Riquelme chama Neymar de gênio, mas afirma: “Messi é Messi”

Em entrevista à ESPN argentina, lendário ex-jogador do Boca Júniors coloca a Seleção Argentina como favorita ao título da Copa América

atualizado 30/06/2021 14:42

Juan Román RiquelmeDaniel Jayo/LatinContent via Getty Images

Juan Román Riquelme é um dos ex-jogadores mais importantes do Boca Júniors e da Seleção Argentina dos últimos 20 anos. Assim como era em campo, Riquelme não demonstrou nenhum receio durante uma entrevista à ESPN Argentina e apontou Neymar como gênio, mas fez questão de colocar Messi acima do camisa 10 brasileiro.

O atual vice-presidente do Boca Júniors fez a sua análise da Copa América e apontou a Argentina como favorita ao título. Os argentinos terminaram a primeira fase liderando o grupo A, Messi é artilheiro do torneio até então com três gols marcados.

“Enquanto o Messi estiver em campo, a Argentina é favorita para vencer a Copa América. Neymar é um gênio, mas Messi é Messi. Temos que ter fé”, afirmou o Riquelme.

Brasil e Argentina encerraram a primeira fase com o mesmo número de pontos, 10 cada. Neymar tem um gol a menos que Messi na Copa América.

Em campo, Riquelme se tornou uma verdadeira lenda do Boca Júniors. Conhecido como carrasco de muitos clubes brasileiros, o camisa 10 esteve em três das seis conquistas de Libertadores da história do gigante argentino. Dos 52 gols com a camisa Xeneize em mais de 221 oportunidades, Riquelme marcou 25 deles em jogos de Libertadores.

O meia ainda atuou pelo Barcelona e pelo Villareal. Com a camisa da Seleção Argentina atuou em 51 partidas, fez 17 gols e conquistou o ouro Olímpico nos jogos de Pequim em 2008. Román Riquelme anunciou aposentadoria em 2015.

Quer ficar por dentro de tudo que rola no mundo dos esportes e receber as notícias direto no seu Telegram? Entre no canal do Metrópoles.

Vídeos
Mais lidas
Últimas notícias