Palmeiras vence na Bolívia e quebra tabu de 37 anos na Libertadores

Alviverde derrotou o Bolívar, que não perdia em La Paz desde 1983, quando perdeu para o Grêmio. Porco lidera o grupo B

atualizado 16/09/2020 23:32

Palmeiras vence na LibertadoresPool / Equipe / Getty images

 

 

 

 

 

O Palmeiras fez história nesta quarta-feira (16/9). O time de Vanderlei Luxemburgo derrotou o Bolívar na altitude de La Paz (Bolívia) por 2 x 1 e quebrou um tabu de 37 anos que os bolivianos não perdiam para um brasileiro em seu país. Tabu quebrado e liderança assegurada do grupo B da Libertadores.

Jogando na altitude, o Palmeiras enfrentava um rival que não jogava há 6 meses. Sem muita dificuldade, o alviverde achava espaços na zaga dos donos da casa. E em uma escapada de Rony, o porco abriu o placar. O atacante foi derrubado na área e Willian converteu.

No segundo tempo a vantagem aumentou com um golaço de Gabriel Menino. O Bolivar saiu para a pressão e diminuiu o placar, com Riquelme. Os bolivianos ainda tentaram empatar, mas o Palmeiras segurou o aperto e garantiu os três pontos.

A vitória deixou o Palmeiras na liderança do grupo B, com três jogos e três vitórias. O resultado complicou o Bolívar, que fará dois jogos fora de casa no returno. Na próxima rodada o Palmeiras sai para visitar o Guaraní (PAR).

Tchau, tabu

Com a vitória, o Palmeiras quebrou um tabu que já durava 37 anos. A última vitória de um time brasileiro em La Paz contra o Bolívar foi em 1983, quando o Grêmio venceu os bolivianos.

 

 

Vídeos
Últimas notícias