Dome reprova comparação com Jesus: “Não estou aqui para competir com Jorge”

O treinador rubro-negro fez questão de ressaltar que teve muito mais problemas que o português em seu início de trabalho no Flamengo

atualizado 05/11/2020 9:31

Domènec e Jorgi GuerreroAlexandre Vidal/Flamengo

O Flamengo derrotou o Athletico-PR por 3 x 2, na noite de quarta-feira (4/11), no estádio do Maracanã, no Rio de Janeiro, e se classificou às quartas de final da Copa do Brasil, mas um assunto fora de campo incomodou bastante o técnico espanhol Domènec Torrent após a partida. Perguntado na entrevista coletiva sobre a evolução do time no início de trabalho em relação ao mesmo período do português Jorge Jesus no clube, ele evitou fazer comparações.

“O trabalho do Jorge foi excelente aqui, ganhou tudo, muitos títulos, foi excelente. Mas o Dome não está aqui para competir com o Jorge, nem com outro treinador. Parece que estou competindo com o Jorge, mas não! O Dome está aqui porque o Jorge decidiu, de maneira legal, trabalhar em outro país. Por isso o Dome está aqui!”, afirmou o espanhol.

O treinador rubro-negro fez questão de ressaltar que teve muito mais problemas que Jorge Jesus em seu início de trabalho no Flamengo. Um exemplo mostrado foi o pouco tempo que teve para treinar a equipe assim que chegou.

“O que aconteceu com o Dome é muito fácil. Quando chegamos aqui (ao Flamengo), o time parou 21 dias. Depois de 21 dias, só treinou sete, mas não em sequência. Eu tenho que falar isso porque as pessoas não sabem. Treinou três dias, folga, folga, treinou três dias, folga… Aí chega o Dome, tem dois treinamentos e cinco jogos em 15 dias. Não é desculpa. É a realidade! Essa é a verdade. Não tive pré-temporada, que é algo importante para qualquer técnico. Nós não tivemos. E jogamos cinco jogos em 15 dias. Claro que, se vocês quiserem continuar falando nisso (Jorge Jesus), não tem problema… Mas não é a mesma coisa”, disse.

Vídeos
Últimas notícias