Cruzeiro x Chape no DF já tem 20 mil ingressos vendidos! Garanta o seu

Torcida do Cabuloso vem fazendo bonito e garantindo seu lugar no jogo contra a Chape neste sábado (13/8) na Arena BRB Mané Garrincha

atualizado 12/08/2022 17:04

Staff Images

A Nação Azul vai comparecer em peso neste sábado (13/8), na Arena BRB Mané Garrincha para a partida do Cruzeiro contra a Chapecoense. Mais de 20 mil ingressos já foram vendidos, de um total de 24 mil, para o duelo do líder da Série B contra a equipe catarinense.

O Metrópoles traz para o DF o jogo do Cabuloso contra a Chape na arena de Brasília. O duelo está marcado para às 16h30. Nesta sexta-feira (12/8), véspera do jogo, os torcedores fizeram fila nos pontos físicos de venda para garantir seu lugar. 

E se você, torcedor do Cruzeiro em Brasília ou em outras cidades, ainda não garantiu seu ingresso, corra porque as vendas estão a todo vapor. As entradas estão sendo vendidas em pontos físicos (confira abaixo) e pela internet. Para adquirir seu ingresso de forma on-line, clique aqui.

Pontos físicos e preços

Os setores disponíveis no estádio para compra são as cadeiras inferiores e o hospitality. O primeiro setor tem uma proximidade maior com o gramado, enquanto a outra área conta com assentos estofados, banheiros e bares mais exclusivos e próximo ao setor de arquibancada.

Confira os valores:

Arquibancada inferior (meia): R$ 90
Meia-entrada com a doação de 1kg de alimento não perecível

Arquibancada inferior (inteira): R$ 180

Hospitality (meia): R$ 120
Meia-entrada com a doação de 1 kg de alimento não perecível

Hospitality (inteira): R$ 240

Além da venda on-line, o torcedor pode adquirir os ingressos nos seguintes pontos físicos:

Globo Esporte Taguatinga Centro (venda em dinheiro e cartão)

Quadra C 9 Lote 07 Taguatinga Centro, Brasília – DF
Horário: Das 9h às 18h30

Grandes torcidas (venda em dinheiro e cartão)

Endereço: CLS 308, Bloco A, Lojas 22/26
Horário: De segunda a sexta, das 10h às 17h, e no sábado, das 10h às 16h
Para compras nos cartões de débito ou crédito, será cobrada taxa de 10%; as compras não poderão ser parceladas.

 

Mais lidas
Vídeos
Últimas notícias