*
 

Desde a eliminação de Mara, no último do domingo (28/1), que os participantes do Big Brother Brasil 2018 especulavam sobre como seria a prova do líder. O suspense acabou nesta quinta-feira (1/2), assim que o programa entrou no ar, e Tiago Leifert anunciou as habilidades necessárias para vencer o jogo: resistência, força e agilidade. Quem levou a melhor foi Lucas. O brother se mudará para o bangalô do líder, está imune à próxima votação e tem o poder de mandar alguém direto para o paredão.

Coube ao último soberano da casa, Mahmoud, vetar 06 jogadores da prova. O sexólogo poderia escolher qualquer um dos companheiros de confinamento, com exceção da acreana Gleici, imunizada por Mara, durante a participação no programa Mais Você. Caruso, Wagner, Ana Paula, Diego, Jéssica e Viegas ficaram fora da brincadeira.

Entenda a prova

Cada brother deveria se posicionar em uma raia de atletismo e manter pressionados com as mãos dois botões no chão, até que aparecesse em um monitor a palavra “já”. Quando a palavra aparecia, todos tinham de correr e bater em outro botão, no outro extremo de sua raia. O participante que chegasse por último era eliminado. O último brother a restar na disputa vencia a prova.

O jogo reservava algumas consequências para os sete primeiros eliminados da prova. Assim que eram desclassificados, os jogadores escolhiam uma garrafa com mensagens que davam prêmios ou castigos. O primeiro a sair foi Kaysar que, apesar de eliminado, levou o prêmio de mil reais. A segunda a sair, Jaqueline, não teve tanta sorte, e escolheu a garrafa que a mandou direto para o paredão.

Breno, o terceiro a perder a prova, ganhou imunidade no próximo paredão. Já Gleici saiu do grupo do Tá com Tudo, para o Tá com Nada. Patrícia ganhou uma mensagem da família. Nayara, cinco reais, e a sétima pessoa a sair da prova, Paula, também teve de mudar do grupo da comida e saiu do Tá Com Tudo para o Tá Com Nada.