Museus do DF voltam a funcionar com horário especial e só no fim de semana

Medidas para evitar o contágio do novo coronavírus também devem ser tomadas. Catetinho segue fechado

atualizado 19/09/2020 11:09

Giovanna Bembom/Metrópoles

A Secretaria de Cultura do Distrito Federal publicou no Diário Oficial (DODF) desta quinta-feira (17/9) uma série de medidas para a retomada de atividades em museus da cidade. A maioria das unidades será reaberta, mas com cuidados para evitar o contágio pelo novo coronavírus.

A comunicação mais importante diz respeito ao período de funcionamento. Os museus comandados pela pasta ficarão abertos para a população três dias da semana – sexta-feira, sábado e domingo –, e somente por seis horas diárias, inclusive em feriados.

Confira a publicação:

Secretaria de Cultura publica regras para retomada de atividades by Metropoles on Scribd

A publicação deixa a cargo de cada museu um horário customizado e adequado às características das unidades. A gerência dos locais pode até agendar visitação específica e dedicada a pessoas do grupo de risco, como os idosos.

De acordo com a portaria, o Museu do Catetinho deve continuar fechado “por não apresentar condições mínimas de funcionamento dentro dos aspectos de segurança do Protocolo Covid-19, e por estar entrando em processo de reformas urgentes e necessárias”.

O parque do Museu Vivo da Memória Candanga também não funcionará, mas a unidade em si estará aberta.

A entrada dos visitantes também está condicionada à medição de temperatura, ao uso de máscaras e a um número máximo de pessoas em cada salão do museu. “Caberá ao gestor de cada museu determinar o número máximo de pessoas no salão expositivo a partir do critério de uma pessoa por 9 m², após a dedução de 30% da área total do Salão Expositivo, por conta de espaço de circulação e grandes obstáculos”, diz a portaria.

A própria unidade também deve oferecer álcool em gel com mecanismo de pedal. A limpeza do local deverá ser constante e não será permitido o consumo de alimentos nos locais, assim como o uso de bebedouros.

0

Servidores

A publicação também vem com diversas regras para servidores, colaboradores, terceirizados e prestadores de serviço. Aqueles que apresentarem sintomas da Covid-19, por exemplo, deverão ficar em isolamento domiciliar por 14 dias, a não ser que apresente exame comprovando a ausência da doença.

Haverá cuidados especiais também para esses trabalhadores que estejam no grupo de risco. São eles: pessoas com 60 anos ou mais; cardiopatas graves ou descompensados (insuficiência cardíaca, infartados, revascularizados, portadores de arritmias, hipertensão arterial sistêmica descompensada; pneumopatas graves ou descompensados (dependentes de oxigênio, portadores de asma moderada/grave, DPOC); imunodeprimidos; doentes renais crônicos em estágio avançado (graus 3, 4 e 5); diabéticos, conforme juízo clínico; e gestantes de alto risco.

Todos eles estão proibidos de participar das escalas programadas para o funcionamento dos museus. Aliás, as escalas de servidores devem sempre ser organizadas com a menor equipe possível.

 

Últimas notícias