Ibaneis anuncia R$ 2 milhões para revitalização do Parque da Cidade

Segundo o governador, proposta de PPP está sendo estudada e deverá ser discutida com a comunidade

Caio Barbieri/Metrópoles

atualizado 04/08/2019 14:41

O governador Ibaneis Rocha (MDB) afirmou, neste domingo (04/08/2019), que destinou R$ 2 milhões para revitalização do Parque da Cidade Dona Sarah Kubitschek. O anúncio foi feito durante o lançamento da Semana Mundial de Amamentação Agosto Dourado, realizado no estacionamento 12, ao lado do Parque Ana Lídia.

Segundo o governador, o recurso será liberado pela Companhia Urbanizadora da Nova Capital (Novacap) e aplicado na manutenção e em pequenas obras, como reformas de banheiros, equipamentos públicos e projetos de paisagismo dentro de um dos cartões-postais da cidade. “Vamos cuidar das melhorias do parque. Dei uma volta hoje com o administrador e, daqui mesmo, já determinei que a Novacap invista R$ 2 milhões a partir da próxima semana”, afirmou.

Sobre a licitação para incluir o Parque da Cidade dentro dos equipamentos públicos a serem repassados à iniciativa privada, por meio de Parceria Público-Privada (PPP), Ibaneis afirmou que a proposta ainda está em fase de estudos. “Enquanto isso, vamos cuidar das melhorias no parque. A PPP nós sabemos que demora um pouco mais, porque demanda estudos aprofundados. Mas é uma coisa que está sendo analisada pelo governo e será discutida com a sociedade”, assinalou.

O assunto é tratado com cautela pelo GDF. “Sabemos que o parque é um local da cidade que as pessoas amam. Uma PPP pode não ser bem-recebida. Então isso tudo precisa ser discutido com a população para que encontremos um caminho”, disse Ibaneis ao Metrópoles. O governador destacou ainda que uma alternativa seria incluir o parque no Adote uma Praça, programa local que forma parceria com empresas para revitalização de espaços públicos em troca de publicidade da marca no local.

Amamentação

Durante o lançamento da Semana Mundial da Amamentação, o governador preferiu não discursar e deixar a primeira-dama, Mayara Noronha, comandar a solenidade. Segundo ela, o DF tem índice de 61% das crianças sendo amamentadas com leite materno nos primeiros seis meses de vida. No Brasil, a média é de 50%. Entre as atividades programadas, houve um “mamaço”, quando dezenas de mães amamentaram simultaneamente os filhos.

“Quero aproveitar para pedir ao governador aqui presente que determine às secretarias do governo que disponibilizem um espaço para a amamentação. É uma estrutura pequena, com uma poltrona e uma geladeira, mas que é muito importante tanto para a mãe quanto para os bebês”, disse a primeira-dama, que amamentou o filho Matheus exclusivamente com leite materno durante seis meses. O pequeno, que vai fazer oito meses, foi levado pelos pais, Ibaneis e Mayara, ao Parque da Cidade neste domingo.

Após o evento, o governador concordou com a ideia da esposa e disse que, a princípio, quer que o espaço de amamentação seja criado dentro de órgãos públicos locais com atendimento ao público externo.

Acácio Pinheiro/Agência Brasília
Durante o lançamento da Semana Mundial da Amamentação, mães fizeram um “mamaço” no Parque da Cidade
Últimas notícias