Caesb desfaz ligação clandestina de água na 914 Sul

Canteiro de obras estava com o abastecimento suspeito desde 2012

MICHAEL MELO/METRÓPOLEsMICHAEL MELO/METRÓPOLEs

atualizado 09/09/2019 21:37

A Companhia de Saneamento Ambiental do Distrito Federal (Caesb) desfez, nesta segunda-feira (09/09/2019), uma ligação clandestina de água em um canteiro de obras na quadra 914 Sul. O terreno estava com o fornecimento cortado desde 2012 e, após uma vistoria, teve o ponto irregular desativado. A companhia também identificou uma residência abastecida irregularmente na 709 Sul.

De janeiro a agosto desta ano, a Caesb realizou 16.400 vistorias e identificou 1.250 irregularidades. A média de ligações desmanchadas é de dez por dia. A empresa amarga prejuízos com o furto de água.

Apenas em 2018, a Caesb perdeu R$ 35 milhões. Em 2017, a perda foi ainda maior: cerca de R$ 43,5 milhões e cerca de 727 milhões de litros de água não tarifados.

Ligação clandestina de água é crime e a multa varia de R$ 1,6 mil a R$ 72 mil.

Últimas notícias