Tudo o que rola no universo dos famosos e da televisão, sob o olhar atento de Leo Dias e equipe.

Inquérito de Giselle Itié contra Antonia Fontenelle é arquivado

O Ministério Público decidiu por não abrir processo

atualizado 08/07/2021 9:45

AgNews e Reprodução

O inquérito policial que investigava um suposto crime de racismo e xenofobia praticado por Antonia Fontenelle contra Giselle Itié foi arquivado em definitivo. O Ministério Público decidiu por não abrir processo, por isso, a atriz não perdeu a ação, conforme a coluna havia publicado anteriormente.

“Não houve perda ou ganho. Não houve processo. O Ministério Público arquivou definitivamente a acusação por entender que não houve crime algum. O que houve de fato foi uma denúncia caluniosa. Isso, sim, é crime. Ela ainda tentou me processar no cível pedindo R$ 50 mil. Vai trabalhar, filha”, afirmou Antonia em contato com a coluna.

0

Giselle procurou a Justiça após se sentir ofendida por comentários de Antonia. A youtuber gravou um vídeo se dirigindo à atriz, que havia revelado ter sofrido assédio sexual por parte de um diretor de novelas, sem citar nomes. Antonia entendeu que Giselle se referia a Marcos Paulo, com quem foi casada.

Em sua fala, Antonia disse a seguinte frase: “Volta para o seu país, é o melhor que você faz”. Giselle, que nasceu no México, achou que foi vítima de xenofobia, o que se enquadra no crime de racismo. A defesa da youtuber argumentou que a frase foi tirada de contexto e que com “país” ela se referia a uma “fantasia” de relacionamento entre a atriz e o diretor.

Últimas notícias