Tudo o que rola no universo dos famosos e da televisão, sob o olhar atento de Leo Dias e equipe.

Felipe Titto fala de ação com moradores de rua: “Dizem que é publicidade”

O ator, que já foi muito estereotipado pelo seu lifestyle, disse que há muita visão errada sobre ele mesmo

atualizado 08/07/2020 16:51

Felipe TittoReprodução/ Instagram

Na madrugada desta quarta-feira (8/7), o ator Felipe Titto mostrou suas próximas doações destinadas aos moradores de rua da cidade de São Paulo. Procurado pela coluna, Titto informou que a ação está programada para quinta-feira, quando é esperado que a temperatura na capital paulista fique entre 9º a 10º C.

Ele disse ainda que, na sua última entrega, os moradores de rua informaram que os cobertores não são a melhor opção, já que são pesados e ruins de transportar, além de, muitas vezes, a própria prefeitura levá-los. Por isso, a ideia agora é doar luvas e meias.

0

“E água, isso é realmente impressionante, em pleno 2020, as pessoas têm sede na rua. Elas não conseguem água potável”, contou Felipe. Essa não é a primeira nem a única ação social feita pelo ator desde o começo da pandemia da Covid-19.  Ele já doou mais de 400 cobertores no centro de São Paulo, produziu máscaras, doou 15 toneladas de alimentos que foram distribuídos em comunidades carentes, além de doar uma moto para um entregador de aplicativo.

“Prefiro ser um fazedor ao invés de um falador”

À coluna, ele contou que já fazia ações sociais mesmo antes da pandemia e que foi motivado a mostrar tudo porque sua ideia é inspirar outros: se você ajudar com R$ 1 ou com R$ 1 milhão, não importa. O que importa é que você, de fato, haja.

“Muitas pessoas, as quais eu não partilho das mesmas ideias, dizem: ‘Ah, eu não posso mostrar filantropia porque vai parecer publicidade. E eu sou um cara que estou pouco me lixando para o que vai parecer, eu quero inspirar pessoas”, disse.

O ator, que já foi muito estereotipado pelo seu lifestyle, disse que há muita visão errada sobre ele mesmo por ser um pouco mais forte, por treinar e ter muitas tatuagens. “As pessoas já veem com aquele olhar de ‘nossa, deve ser um burucrutuzão’”, comentou. Titto também disse estar cansado de tentar provar o contrário e que prefere deixar que pensem: “Faladores falarão e eu prefiro ser um fazedor ao invés de um falador”.

Felipe Titto, que também é o mais novo rosto da nova fragrância Y, da Yves Saint Laurent Beauty, mostrou mais umas de suas facetas nessa pandemia. E, ousamos dizer, a melhor delas. A de agente transformador, cidadão.

Últimas notícias