Com Rebeca Ligabue, Sabrina Pessoa, Marcella Freitas, Carina Benedetti e Luiz Maza

Gucci anuncia a saída do estilista Alessandro Michele da grife

O designer italiano estava desde 2015 no cargo de diretor criativo da marca italiana de moda de luxo

atualizado 30/11/2022 13:13

Estlista Alessandro Michele acena para o público após apresentação de desfile. Ele usa camiseta branca, cinto caramelo e calça jeans. Alessandro tem cabelos longos - Metrópoles Pietro D'aprano/Getty Images

A Gucci anunciou, nesta quarta-feira (23/11), a saída do estilista Alessandro Michele do cargo de diretor criativo da marca de luxo. O designer italiano estava há quase oito anos na posição. Por enquanto, o escritório de design da grife tocará os processos internos de produção até que uma nova organização seja anunciada.

Vem saber tudo!

Giphy/Getty Images

A despedida do estilista foi revelada por meio de um comunicado oficial da label italiana. Na nota, Marco Bizzarri, presidente e CEO da Gucci, e François-Henri Pinault, presidente e CEO do grupo Kering, agradeceram pelo trabalho exercido por Alessandro Michele nos últimos anos.

Michele foi oficialmente nomeado para o comando da marca italiana em janeiro de 2015. “Desempenhou um papel fundamental para tornar a marca o que é hoje por meio de sua criatividade inovadora, mantendo-se fiel aos renomados códigos da etiqueta”, destacou a grife.

Em post no Instagram, Alessandro Michele destacou o encerramento de uma “jornada extraordinária”. “Há momentos em que os caminhos se separam devido às diferentes perspectivas que cada um de nós pode ter”, introduziu. “Durante esse longo período, a Gucci foi minha casa, minha família adotiva”, completou.

O designer também aproveitou para agradecer aos clientes e amigos.  “Sem eles, nada do que construí teria sido possível. A eles vai o meu mais sincero desejo: que vocês continuem cultivando seus sonhos, a matéria sutil e intangível que faz a vida valer a pena. Que continuem se alimentando de imagens poéticas e inclusivas, mantendo-se fiéis aos seus valores”.

Na função de diretor criativo, Alessandro Michele reinventou a Gucci com uma estética autêntica e genderless, que quebrou a imagem mais sofisticada, reforçada pela antecessora, Frida Giannini, e iniciada por Tom Ford nos anos 1990.

Nas criações, o estilista não deixou de lado características clássicas do DNA da label, como a logomania e as cores enérgicas. Ele foi o responsável pelo hype da grife entre as novas gerações.

Com criações excêntricas e conceituais, a Gucci de Michele sempre estava bombando nas redes sociais, principalmente no Instagram e no TikTok. Uma das últimas apostas do italiano foi a plataforma on-line Gucci Vault, que funciona como uma loja de peças vintage restauradas, além de espaço para designers emergentes e editoriais.

Estilista Alessandro Michele em desfile da Gucci - Metrópoles
Alessandro Michele era o diretor criativo da Gucci desde o início de 2015

 

Gêmeos na passarela da Gucci
O estilista italiano reinventou a Gucci com uma estética peculiar e inconfundível

 

Dakota Johnson e Alessandro Michele - Metrópoles
Alessandro Michele foi o responsável pela aparição de várias celebridades, como Dakota Johnson, usando Gucci no tapete vermelho

 

O estilista Alessandro Michele e o ator Jared Leto, vestidos iguais, no Met Gala de 2022 em Nova York, nos Estados. Eles são brancos, usam barba e tem cabelos castanhos longos e vestem um terno branco com estampa prata - Metrópoles
Jared Leto é outra personalidade muito ligada a Michele

 

Harry Styles em palco de show usando look vermelho da Gucci
Assim como o cantor Harry Styles. Em turnê, o cantor usa visuais da Gucci desenhados por Alessandro Michele

 

Agora, os fãs e fashionistas esperam para saber quais serão os próximos passos de Alessandro Michele na moda, assim como o nome de quem o sucederá na Gucci. O WWD apontou Remo Macco e Davide Renne, veteranos da grife, como possíveis candidatos. Em 2022, a empresa completou 100 anos de história.

Mais lidas
Últimas notícias