Com Bruna Lima, Edoardo Ghirotto, Eduardo Barretto e Lucas Marchesini

“Nem a ditadura aparelhou tanto”, diz Kassab sobre Bolsonaro

O presidente do PSD, Gilberto Kassab, vê Jair Bolsonaro como o presidente que mais aparelhou o governo federal

atualizado 04/12/2021 10:52

Gilberto KassabMarcelo Camargo/Agência Brasil

O presidente do PSD, Gilberto Kassab, vê Jair Bolsonaro como o presidente que mais aparelhou o governo federal. “O Brasil vive hoje uma situação bastante difícil. Um governo que ameaça, que aparelha como nunca. Talvez nem na ditadura se aparelhasse tanto”, disse em evento do grupo Derrubando Muros, uma iniciativa cívica de empresários, intelectuais e políticos, nesta sexta-feira (3/12).

Kassab é um dos defensores de uma candidatura de terceira via de centro. O seu partido tem como pré-candidato o presidente do Senado, Rodrigo Pacheco, que se filiou no fim de outubro ao PSD. Para que uma opção como essa vingue, avaliou Kassab, é necessário “desprendimento”.

Kassab avaliou que é mais fácil unir pessoas em torno do objetivo de afastar alguém. “É mais fácil unir pessoas, partidos, projetos, quando sabemos o que não queremos e não queremos aqueles que querem acabar com nossa democracia, nossa liberdade de imprensa”, afirmou.

Ele reconhece, entretanto, as dificuldades de uma candidatura de centro. “No mundo das redes socais, aqueles que defendem posições extremas tem mais facilidade de repercussão porque são mais intensos. O centro é mais conciliador e pode passar nesse mundo a impressão que é inerte, mas não é”, analisou.

Por conta disso, continuou Kassab, “o centro precisa ter mais protagonismo, mais capacidade de comunicação. Senão, vamos continuar perdendo espaço”, analisou.

0

O evento contou com a participação de diversos políticos, inclusive o ex-primeiro-ministro de Portugal, José Manuel Durão Barroso, que foi o convidado da vez. Entre os participantes estavam o prefeito de Recife, João Campos; o senador Tasso Jereissati; o ex-governador do Rio Grande do Sul, Tarso Genro; e o ex-ministro de Governo, Carlos Alberto Santos Cruz.

Já leu todas as notas e reportagens da coluna hoje? Clique aqui.

Siga a coluna no Twitter e no Instagram para não perder nada.

Mais lidas
Siga as redes do Guilherme Amado
Últimas da coluna