Com Bruna Lima, Edoardo Ghirotto, Eduardo Barretto e Naomi Matsui

As mensagens entre o ex-assistente de Pazuello e a diretora da Precisa

Luis Miranda publicou vídeo em que mostra mensagens enviadas pela diretora técnica da Precisa ao tenente-coronel Alex Lial Marinho

atualizado 24/07/2021 20:39

Emanuela Medrades_CPI da Covid-19Hugo Barreto/Metrópoles

O deputado Luis Miranda publicou neste sábado (24/7) um vídeo em que mostra mensagens enviadas pela diretora técnica da Precisa Medicamentos, Emanuela Medrades, e o tenente-coronel Alex Lial Marinho, ex-coordenador-geral de Aquisições de Insumos Estratégicos do Ministério da Saúde.

No vídeo, Miranda exibe um trecho do depoimento de Emanuela à CPI da Covid, em que ela afirma que a Precisa não tem nenhuma relação com Marinho.

O deputado mostra, no entanto, um print de mensagens supostamente enviadas por Emanuela a Marinho. “Oi, Alex. Documentos enviados. Nem precisei abrir pasta, pois consegui apresentar os expedientes no corpo do ofício. Os protocolos do GMP foram encerrados. Ambos. O do IFA já foi pago, agora é só aguardar a compensação bancária. Por favor, qualquer coisa, me avise”, diz o print exibido por Luis Miranda.

Ainda segundo o vídeo do deputado, Marinho teria respondido: “Excelente notícia. Muito obrigado. Permaneço também à disposição”.

Marinho é um dos acusados pelo servidor Luis Ricardo Miranda de terem pressionado pela liberação da Covaxin.

Siga as redes do Guilherme Amado
Últimas da coluna