metropoles.com

Vaca louca: Fávaro confirma que caso é atípico e pede volta da exportação

Atipicidade do “mal da vaca louca” atesta que caso no Pará não pode ser transmitido a humanos. Ministro pede volta da exportação à China

atualizado

Compartilhar notícia

Divulgação/SGPA
Foto colorida mostra bovinos (boi e vaca) - Metrópoles
1 de 1 Foto colorida mostra bovinos (boi e vaca) - Metrópoles - Foto: Divulgação/SGPA

Ministro da Agricultura e Pecuária, Carlos Fávaro (PSD-MT) confirmou na noite desta quinta-feira (2/3) que o caso de “vaca louca” registrado no Pará é atípico. Isso significa que não há risco de transmissão a humanos e, dessa forma, a pasta se movimenta para retomar a exportação de carne bovina à China.

O caso de Encefalopatia Espongiforme Bovina (EEB), conhecido como “mal da vaca louca”, aconteceu em Marabá. A confirmação de trata-se de uma manifestação atípica e isolada acontece foi possível após análise do laboratório de referência da Organização Mundial de Saúde Animal (OMSA).

De acordo com Fávaro, o resultado da amostra foi comunicado imediatamente ao presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT). O ministério diz já ter iniciado a inserção das informações num sistema, para devida comunicação oficial à OMSA e às autoridades chinesas.

Dessa forma, assim que concluído o processo, será marcada uma reunião virtual com o governo chinês para tratar do desembargo da exportação da carne bovina ao país. Caso dure até abril, o embargo pode causar prejuízo de US$ 500 milhões, segundo cálculo da Associação dos Exportadores.

“Ressalto que rapidez, eficiência e a transparência solicitada pelo presidente Lula foi fundamental. Agradeço à nossa equipe e à do governador do Pará, Helder Barbalho, que nos permitiu uma atuação rápida desde a identificação do caso”, comentou Fávaro ao anunciar o resultado.

A atipicidade siginfica que o caso do “mal da vaca louca” ocorreu por causas naturais em um único animal, que tinha 9 anos de idade. O ministério garante que todas as providências sanitárias foram adotadas prontamente, o que permite um reestabelecimento breve das exportações da carne.

Compartilhar notícia

Quais assuntos você deseja receber?

sino

Parece que seu browser não está permitindo notificações. Siga os passos a baixo para habilitá-las:

1.

sino

Mais opções no Google Chrome

2.

sino

Configurações

3.

Configurações do site

4.

sino

Notificações

5.

sino

Os sites podem pedir para enviar notificações

metropoles.comNotícias Gerais

Você quer ficar por dentro das notícias mais importantes e receber notificações em tempo real?