metropoles.com

“Todo mundo que perdeu a casa vai ter sua casinha”, diz Lula no RS

Em sua 3ª visita ao estado desde o início da tragédia provocada pelas fortes chuvas, Lula anuncia medidas a pessoas desalojadas

atualizado

Compartilhar notícia

Lula, em visita ao Rio Grande do Sul, ao lado do governador Eduardo Leite - Metrópoles
1 de 1 Lula, em visita ao Rio Grande do Sul, ao lado do governador Eduardo Leite - Metrópoles - Foto: null

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) afirmou nesta quarta-feira (15/5) que todo mundo que perdeu sua moradia no Rio Grande do Sul (RS) terá direito a uma nova casa. O petista desembarcou, nesta manhã, para a terceira visita ao estado desde o início da tragédia provocada pelas fortes chuvas.

Desta vez, o chefe do Executivo se encontrará com o governador Eduardo Leite (PSDB) e fará uma série de anúncios para auxiliar a população afetada, como auxílios e linhas de crédito.

“A gente vai anunciar que todo mundo que perdeu a casa vai ter sua casinha”, disse Lula ao desembarcar no RS ao lado do ministro da Fazenda, Fernando Haddad.

O colunista do Metrópoles Igor Gadelha apurou que o governo federal vai conceder R$ 5,1 mil a famílias desabrigadas, no programa que deverá ser chamado de “Recomeço”. O valor poderá ser usado pelas famílias na reconstrução de suas casas que foram alagadas pelas chuvas. Elas poderão usar o dinheiro para compra de móveis e eletrodomésticos e até para pagar por serviços.

Segundo balanço da Defesa Civil divulgado nesta quarta-feira (15/5), quase 540 mil pessoas estão desalojadas por causa das enchentes no estado gaúcho e 76 mil em abrigos. O número de mortos pela tragédia socioambiental se mantém o mesmo de terça, 149.

De acordo com o último boletim da Defesa Civil, 108 pessoas estão desaparecidas e mais de 2 milhões foram afetadas pelas enchentes que assolam o estado. O número de animais resgatados é de 11 mil. As autoridades continuam divulgando o balanço e atualizando os dados durante o dia.

Região Sul deve registrar, ainda nesta quarta, temperaturas abaixo de zero, podem aumentar o risco de geada no Sul.

Comitiva

Lula viaja com diversas autoridades (veja a lista abaixo), mas os presidentes da Câmara dos Deputados e do Senado, Arthur Lira (PP-AL) e Rodrigo Pacheco (PSD-MG), não participam desse compromisso no estado gaúcho, apesar de terem recebido convites.

Lula chegou a Canoas (RS), na Região Metropolitana de Porto Alegre, por volta das 10h. Em seguida, haverá reunião com Leite, em São Leopoldo (RS). Após a discussão, as autoridades anunciarão as novas medidas.

Além das ações voltadas às famílias gaúchas, há expectativa de Lula nomear uma autoridade federal para acompanhar a situação no Rio Grande do Sul.

Às 15h, o presidente deverá retornar a Brasília. É previsto que chegue no fim da tarde à capital federal.

Acompanham o chefe do Executivo nesta visita as seguintes autoridades:

  • Ministro Luís Roberto Barroso, presidente do Supremo Tribunal Federal (STF)
  • Rui Costa, ministro-chefe da Casa Civil
  • José Múcio, ministro da Defesa
  • Fernando Haddad, ministro da Fazenda
  • Wellington Dias, ministro do Desenvolvimento, e Assistência Social, Família e Combate à Fome
  • Nísia Trindade, ministra da Saúde
  • Esther Dweck, ministra da Gestão e Inovação em Serviços Públicos
  • Marina Silva, ministra do Meio Ambiente
  • Waldez Góes, ministro da Integração e Desenvolvimento Regional
  • Jader Filho, ministro das Cidades
  • Paulo Pimenta, ministro-chefe da Secom
  • Almirante Marcos Sampaio Olsen, comandante da Marinha
  • General Tomás Miguel, comandante do Exército
  • Tenente-Brigadeiro Marcelo Damasceno, comandante da Aeronáutica
  • Andrei Rodrigues, diretor-geral da Polícia Federal
  • Edegar Pretto, presidente da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab)

Compartilhar notícia

Quais assuntos você deseja receber?

sino

Parece que seu browser não está permitindo notificações. Siga os passos a baixo para habilitá-las:

1.

sino

Mais opções no Google Chrome

2.

sino

Configurações

3.

Configurações do site

4.

sino

Notificações

5.

sino

Os sites podem pedir para enviar notificações

metropoles.comNotícias Gerais

Você quer ficar por dentro das notícias mais importantes e receber notificações em tempo real?