Riotur não tem “tempo hábil” para organizar Carnaval de rua em abril

Nesta quinta (10/3), quatro grandes blocos informaram que aceitariam desfilar em abril, caso a Prefeitura do Rio oferecesse a estrutura

atualizado 10/03/2022 20:01

Carnaval de rua no RioFernando Maia | Riotur

Rio de Janeiro – A Empresa de Turismo do Município do Rio de Janeiro (Riotur) não vai ajudar a organizar o Carnaval de rua entre os dias 21 e 24 de abril. Nestas datas, estão marcados os desfiles das escolas de samba na Avenida Marquês do Sapucaí, no Centro, e na Estrada Intendente Magalhães, na zona norte.

0

Os blocos do Cordão da Bola Preta, Orquestra Voadora, Céu na Terra e Quizomba informaram que desfilariam caso houve estrutura, como banheiros químicos, ambulâncias e segurança. “A Riotur informa que não há tempo hábil para organizar o Carnaval de rua com estrutura necessária para os blocos e foliões”, justificou o órgão.

No dia 4 janeiro, a Prefeitura do Rio decidiu que a cidade não teria Carnaval de rua nas datas tradicionais pelo segundo ano seguido, em razão da pandemia do coronavírus. O cancelamento contou com a anuência dos representantes das agremiações.

Mas, durante o feriadão, blocos clandestinos ganharam às ruas do Rio. Um deles chegou a ocupar a escadaria da Assembleia Legislativa do Rio (Alerj).

Mais lidas
Últimas notícias