Paulinho da Força pede a Lula conselho de campanha com mais partidos

O deputado levou nomes ao ex-presidente, inclusive de partidos que integram a base de Bolsonaro, que querem aproximação com o petista

atualizado 06/10/2021 17:56

Paulinho da ForçaAntonio Cruz/Agência Brasil

Eu reunião com o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, nesta quarta-feira (6/10), o presidente do Solidariedade, Paulinho da Força (SP), reclamou da falta de um conselho de campanha que inclua nomes de outros partidos que querem atuar de forma mais próxima de Lula nas eleições em 2022.

Paulinho avaliou que se essa instância de aconselhamento já existisse, Lula não teria cometido “certos erros” que, em sua avaliação, criaram ruídos. Um dos equívocos apontados pelo presidente do SD foi a defesa de Lula em retomar projeto de regulamentação dos meios de comunicação.

“Falei para ele e ele gostou da ideia”, disse o deputado, ao sair do encontro. “Se esse conselho de pré-campanha já existisse, eu teria orientado a não entrar nisso.”

Além dele, outras lideranças apoiaram a ideia, que incluiria participação de partidos da base bolsonarista. Há vontade de aproximação, por exemplo, de deputados do PP, do MDB e do PL.

A presidente do PT, Gleisi Hoffmann, por sua vez, acha que ainda é cedo para a instituição dessa instância. “Ainda não estamos em campanha”, disse, em rápida conversa com jornalistas.

0

 

 

Últimas notícias