Osmar Terra anuncia secretários do Ministério da Cidadania

Lelo Coimbra (Desenvolvimento Social), general Marco Aurélio Vieira (Esportes) e Henrique Medeiros Pires (Cultura) vão integrar a Cidadania

atualizado 20/12/2018 14:43

Valter Campanato/Agência Brasil

O futuro ministro da Cidadania, Osmar Terra (MDB-RS), anunciou nesta quinta-feira (20/12) pelo Twitter os nomes de três secretários especiais do futuro Ministério da Cidadania.

O deputado federal Lelo Coimbra (MDB-ES) vai assumir a secretaria do Desenvolvimento Social, o general Marco Aurélio Vieira vai para os Esportes e Henrique Medeiros Pires para a Cultura. Os novos integrantes do governo de Jair Bolsonaro (PSL) assumem funções que até o atual governo tinham status de ministério.

Lelo Coimbra é deputado federal pelo MDB-ES, enquanto o general Marco Aurélio Costa Vieira foi diretor-executivo de Operações da Olimpíada Rio-2016 e Henrique Medeiros Pires foi ex-chefe de gabinete de Terra no Ministério do Desenvolvimento Social.

O ministério herdado por Osmar Terra abraçará também a economia solidária, estrutura que pertencia ao Ministério do Trabalho – também extinto por Bolsonaro. O deputado federal Osmar Terra (MDB-RS) foi o 18º indicado para compor o governo.

Terra ainda vai cuidar de áreas como o Bolsa Família, além das secretarias do atual Ministério do Trabalho e Direitos Humanos. O emedebista foi ministro de Desenvolvimento Social de Michel Temer. Ele se afastou do cargo em abril para concorrer à reeleição na Câmara dos Deputados. Terra foi indicado pela bancada social da Casa

Últimas notícias