Após negar ofensa, Bolsonaro apaga comentário sobre Brigitte Macron

Resposta do presidente brasileiro foi feita no sábado (24/08/2019) e apagado nessa terça-feira (27/08/2019)

reprodução/ redes sociaisreprodução/ redes sociais

atualizado 28/08/2019 13:03

Apesar de afirmar que não teve um atitude desrespeitosa, o presidente Jair Bolsonaro (PSL) apagou, nessa terça-feira (27/08/2019), o comentário que fez em rede social sobre a primeira-dama francesa, Brigitte Macron. O fato gerou polêmica com o presidente da França, Emmanuel Macron, que teceu críticas à postura do mandatário brasileiro.

O comentário de Bolsonaro foi feita no sábado (24/08/2019). De início, o seguidor Rodrigo Andreaça comentou uma publicação do presidente brasileiro, comparando fisicamente Michelle Bolsonaro e Brigitte Macron. “É inveja presidente do Macron pode crê”, escreveu.

Em seguida, o chefe do Executivo brasileiro respondeu a mensagem de Andreaça pedindo, em tom irônico, para não comparar as duas primeiras-damas. O comentário veio seguido de risos: “Não humilha, cara. Kkkkkkk“.

Dois dias depois, Macron classificou as palavras de Bolsonaro como “extremamente desrespeitosas” e disse esperar que os brasileiros tenham logo um presidente que se comporte “à altura do cargo”. “Penso que as mulheres brasileiras sentem vergonha ao ler isso, vindo de seu presidente, além das pessoas que esperam que ele represente bem seu país”, afirmou o mandatário francês.

Já nessa terça-feira (27/08/2019), Bolsonaro negou ter ofendido a Brigitte Macron. Impaciente com as perguntas dos repórteres sobre o caso, decidiu encerrar a entrevista.

Últimas notícias