Michelle Bolsonaro: “Perdão a todos pelos palavrões do meu marido”

Primeira-dama discursou em evento com dezenas de deputados da base aliada, no Palácio da Alvorada, na manhã desta quinta-feira (6/10)

atualizado 06/10/2022 14:37

Michelle Bolsonaro (Divulgação) Divulgação

Em discurso a deputados da base aliada, nesta quinta-feira (6/10), no Palácio da Alvorada, a primeira-dama Michelle Bolsonaro pediu perdão pelos palavrões proferidos pelo marido, o presidente Jair Bolsonaro (PL).

“Perdão a todos pelos palavrões do meu marido, também não concordo, mas ele é assim. Tem gente que gosta, né?”, disse ela ao lado do marido.

“Seguiremos firmes e fortes não por um projeto de poder, mas crendo que nosso Brasil é prospero, a nossa terra é abençoada por Deus”, afirmou Michelle.

A primeira-dama ainda disse estar saindo da sua zona de conforto ao contribuir para a campanha à reeleição. Anteriormente, Bolsonaro havia elogiado a esposa pela qualidade oratória dela.

“Não sou essa oradora como ele fala. Realmente, estou saindo da minha zona de conforto, prefiro ser mãe, esposa, ajudadora, porque esse é o papel da mulher, mas, se Deus quer assim, vou pedir para ele me dar sabedoria.”

Publicidade do parceiro Metrópoles 1
Publicidade do parceiro Metrópoles 2
Publicidade do parceiro Metrópoles 3
0

Encontro com aliados

O presidente recebeu, nesta quinta, deputados federais da base e eleitos, no Palácio da Alvorada. Também estavam presentes, o governador reeleito de Goiás, Ronaldo Caiado (União), e o deputado Onyx Lorenzoni (PL), que disputa o segundo turno ao governo do Rio Grande do Sul.

Entre os deputados, estavam Filipe Barros (PL-PR), Otoni de Paula (MDB-RJ), Helio Lopes (PL-RJ), Carla Zambelli (PL-SP), Bia Kicis (PL-DF), Fred Linhares (Republicanos-DF). Além deles, dois governadores: Antonio Denarium (PP), de Roraima; e Gladson Cameli (PP), do Acre.

Mais lidas
Últimas notícias