Bolsonaro encurta expediente no Planalto para ir a agenda de campanha

Presidente Jair Bolsonaro, candidato à reeleição, encerrou o trabalho mais cedo nesta sexta para gravar conteúdo com candidatos

atualizado 12/08/2022 19:17

Presidente Jair Bolsonaro levante os braços durante convenção que lançou candidatura de seu ex-líder na Câmara dos Deputados, Major Vitor Hugo , ao Governo de Goiás 9Vinícius Schmidt/Metrópoles

O presidente Jair Bolsonaro (PL), candidato à reeleição, encerrou o expediente mais cedo nesta sexta-feira (12/8) para se dedicar à agenda de campanha.

O atual titular do Palácio do Planalto compareceu a um estúdio de gravação do Partido Liberal, no Lago Sul, em Brasília, para produzir conteúdo junto de candidatos os quais deve apoiar nas eleições deste ano. Bolsonaro chegou ao local por volta das 14h30 e saiu mais de 3 horas depois.

As peças publicitárias gravadas nesta sexta devem ser veiculadas a partir de 16 de agosto, quando começa a campanha eleitoral.

O Metrópoles confirmou que os seguintes candidatos nas eleições deste ano estiveram presentes na gravação desta sexta:

  • Hamilton Mourão (Republicanos), candidato ao Senado pelo Rio Grande do Sul;
  • Vitor Hugo (PL), candidato ao governo de Goiás;
  • Gilson Machado (PL), candidato ao Senado por Pernambuco;
  • Anderson Ferreira (PL), candidato ao governo de Pernambuco;
  • Marcos Pontes (PL), candidato ao Senado por São Paulo;
  • Cleitinho Azevedo (PSC), candidato ao Senado em Minas Gerais;
  • Magno Malta (PL), candidato ao Senado pelo Espírito Santo;
  • Nikolas Ferreira (PL), candidato a deputado federal por Minas Gerais; e
  • Bruno Engler (PL), candidato a deputado estadual por Minas Gerais.

Gravação de programa

Mais cedo, na manhã desta sexta, o presidente esteve no Sol Nascente, em Ceilândia, para gravar um conteúdo de campanha relativo ao Auxílio Brasil, programa social que substituiu o Bolsa Família.

Próximo ao local em que a família da primeira-dama Michelle Bolsonaro reside, em Ceilândia, o Sol Nascente tem mais de 80 mil habitantes e é conhecido por ser uma região que abriga muitas famílias em situação de vulnerabilidade social.

Levantamento divulgado pela Companhia de Planejamento do Distrito Federal (Codeplan), no mês passado, com base na Pesquisa Distrital por Amostra de Domicílios (Pdad) 2021, mostra que o Sol Nascente é uma das regiões mais atingidas pela insegurança alimentar (12,7%).

Publicidade do parceiro Metrópoles 1
Publicidade do parceiro Metrópoles 2
Publicidade do parceiro Metrópoles 3
Publicidade do parceiro Metrópoles 4
Publicidade do parceiro Metrópoles 5
Publicidade do parceiro Metrópoles 6
0

 

Mais lidas
Últimas notícias