Boulos cita “máfia da merenda” e ataca tucanos em encontro com professores

No Dia dos Professores, candidato do PSol à Prefeitura de São Paulo prometeu merenda orgânica e revisão de contratos com creches

atualizado 15/10/2020 19:04

agenda boulos eleicoes sp 2020 2Fabio Vieira/Especial Metrópoles

São Paulo – Guilherme Boulos (PSol) ouviu demandas de defensores dos direitos das pessoas com deficiência, sindicalistas, educadores e mães nesta quinta-feira (15/10), no Teatro Oficina, no bairro do Bixiga, centro de São Paulo.

Boa parte da plateia era formada por professores da rede municipal, filiados ao Sinpeem (Sindicato dos Profissionais em Educação no Ensino Municipal de São Paulo). A diretoria do sindicato, no entanto, não compareceu ao evento.

0

“Os maiores inimigos da educação são os tucanos”, disse Boulos, lembrando da “máfia da merenda“, escândalo revelado em 2016, durante a gestão do ex-governador Geraldo Alckmin (PSDB). O psolista emendou a promessa de servir às crianças paulistanas merenda escolar com ingredientes orgânicos.

“Também vamos olhar com lupa todos os convênios de creches com ligação com o Ricardo Nunes”, disse Guilherme Boulos se referindo a inquérito civil que apura irregularidades que envolveriam desvios de verbas e de alimentos, além de elos políticos entre Ricardo Nunes (MDB), candidato a vice de Bruno Covas (PSDB), com a Sobei (Sociedade Beneficente de Interlagos), maior organização social gestora de creches da cidade.

Boulos também declarou que em seu governo pretende rejeitar o Decreto nº 10.502/2020 da Presidência da República, que incentiva a criação de salas ou instituições apenas para pessoas com deficiência, além de agradar a plateia prometendo nomear o mais rápido possível aprovados em concurso público cuja validade esteja perto de acabar. Professores reclamam da falta de profissionais e da carga horária exaustiva de trabalho.

Os problemas que emergiram com a pandemia do coronavírus também foram citados. “As aulas precisam voltar, mas a vida está acima de tudo”, disse o candidato, que prometeu avaliar soluções para que crianças possam avançar nos estudos enquanto pais trabalham.

A candidata a vice-prefeita de Boulos, deputada federal Luiza Erundina, participou do evento por videoconferência. “São Paulo será a resistência ao Bolsonarismo,” disse a deputada.

Últimas notícias