Deputada bolsonarista faz viral do TikTok na Câmara e é criticada

Ao Metrópoles, Alê Silva (PSL-MG) afirmou que não esperava que o vídeo fosse vazar e ter "toda essa repercussão"

atualizado 04/05/2021 20:56

Reprodução/Twitter

Integrante da base bolsonarista, a deputada Alê Silva (PSL-MG) viralizou nesta terça-feira (4/5) ao fazer a coreografia viral do TikTok da “Dança do Carpinteiro” sem máscara, acompanhada de dois assessores, no Salão Verde da Câmara dos Deputados.

O post foi feito há quatro dias no TikTok da parlamentar, com a legenda “depois de 12 horas de sessão no plenário, nós tá como?”, além de um “sextou”.

O vídeo da deputada, no entanto, se propagou com rapidez no Twitter e em grupos de WhatsApp nesta segunda, e logo se tornou alvo de críticas.

A deputada Perpétua Almeida (PCdoB-AC) foi uma das que se posicionou contra a colega. “A deputada bolsonarista Alê Silva não tem mesmo o que fazer na Câmara?! O Brasil com mais de 400 mil mortes e essa criatura usa as dependências da Câmara para fazer dancinha?!!”, afirmou no Twitter.

Ao Metrópoles, a deputada afirmou que gravou o vídeo para uma seguidora com diagnóstico de depressão e ressaltou que não infringiu nenhuma regra da Casa.

“Riso ainda é o melhor remédio para as dores da alma. Só de tê-la feito sorrir já me senti compensada”, disse. Ela afirmou ainda que não esperava que o vídeo fosse vazar e ter “toda essa repercussão”.

Mais popular como “Um Conto de Fadas”, a música se chama “O Carpinteiro” virou uma febre entre os mais jovens nos últimos meses.

Últimas notícias