Federação de TI quer foco do governo no desenvolvimento de startups

Ítalo Nogueira, presidente da Assespro, quer trabalho de “advocacy” junto ao Congresso Nacional para dar suporte a empresas emergentes

Daniel Ferreira/MetrópolesDaniel Ferreira/Metrópoles

atualizado 18/03/2019 23:54

O novo presidente Federação das Empresas de Tecnologia da Informação (Assespro), Ítalo Nogueira, afirmou, nessa segunda-feira (18/3), que sua gestão à frente da instituição pretende focar no apoio ao desenvolvimento de startups (empresas emergentes). Segundo ele, um trabalho de pressão junto ao Congresso Nacional é essencial para dar suporte a esses negócios.

“Se sai uma lei que pode atrapalhar a startup, nós, como entidade mais madura, podemos ajudar”, disse Nogueira, que é empresário do setor de tecnologia. “Muitas vezes o que uma empresa iniciante quer é ter seu primeiro projeto validado. Ela não está preocupada com faturamento num primeiro momento, e sim com a validação da solução”, completou.

Nogueira ressaltou que, “se uma prefeitura ou um órgão público contrata esse primeiro projeto, automaticamente o chancela como um bom produto e aquela startup vira um bom negócio e começa a crescer”.

Segundo ele, a Assespro não deixará de dar apoio a pequenas e grandes empresas – até porque elas fazem parte de sua carteira de associados, como o Facebook. “Mas nosso cuidado e nosso olhar vai ser muito para startups e para empresas nascentes, porque aí estão os empreendedores do futuro”, observou.

A aproximação com as empreendimentos iniciantes, segundo Nogueira, pode gerar ambiente de negócios mais favorável, inclusive visando o mercado internacional.

Caminho seguro
“Temos que mostrar aos outros ramos de negócios que investir em tecnologia é o caminho mais seguro para o êxito de suas empresas. O agronegócio, com tecnologia, produz mais. A construção civil, idem. E assim por diante. O trabalho de advocacy que realizamos é este: o de lutar por um melhor ambiente de negócio para todos”, diz Ítalo Nogueira.

A posse da nova diretoria da Assespro para o biênio 2019/2020 está marcada para esta terça (19), às 17h, no Anexo II da Câmara dos Deputados, em Brasília.

Últimas notícias