*

Tendência em vários países e a nova queridinha das celebridades, a dieta Sirt garante emagrecimento enquanto comemos chocolate e bebemos vinho. Em 2016, ela foi considerada a bíblia alimentar e já foi aderida pela cantora Adele e a cozinheira Lorraine Pascale.

Mas afinal, quais são os benefícios dessa nova maneira de perder peso? De acordo com Aidan Goggins e Glen Matten, autores do livro A dieta Sirt, os sirts são um recém-descoberto grupo de alimentos ricos em nutrientes especiais. “Quando consumidos, conseguem ativar no nosso corpo os mesmos genes magros que as dietas de jejum. Estes genes são conhecidos como sirtuínas”, explicam.

Segundo Ana Carvalhas, autora do livro Emagrecer é…, as sirtuínas ajudam a regular o metabolismo, o que favorece o aumento da massa magra e a redução de gordura corporal. O resveratrol, por exemplo, composto antioxidante presente nas uvas e, portanto, no vinho, é um ativador natural desse genes.

A nutricionista Helga Teixeira garante que é possível perder muito peso na primeira semana, no entanto, é preciso levar em conta os riscos inerentes. “Na primeira fase pode haver mais fome e consequentemente irritabilidade, já a segunda é mais flexível, assim como a alimentação que se deve seguir depois dessa fase”.