Saiba como reconhecer alimentos que estão cheios de gordura trans

Bastante usado em alimentos industrializados, o ingrediente é um veneno para o corpo. Ele aumenta o colesterol ruim e diminui o bom

Lynda Sanchez, Unsplash

atualizado 03/05/2019 22:38

A gordura trans é um tipo específico de gordura formada por um processo de hidrogenação industrial. Essa gordura hidrogenada é adicionada em alimentos industrializados porque é uma forma barata de aumentar o seu prazo de validade. O grande problema é que mesmo em poucas quantidades, o consumo de gordura trans pode aumentar o colesterol ruim (LDL) e diminuir o colesterol bom (HDL), o que aumenta o risco de doenças cardiovasculares e AVC. Há ainda o risco de maior acumulo de gordura no abdômen e inflamação do organismo.

Principal ingrediente em produtos industrializados, de forma geral, a gordura trans está presente especialmente em salgadinhos, biscoitos recheados, bolos e pães. Os produtos de padaria e confeitaria também costumam estar cheios de gordura hidrogenada.

A quantidade de gordura trans que se pode consumir é de, no máximo, 2g por dia. Mas, é muito fácil extrapolar este limite. Para se ter uma ideia, 100 g de massa de pastel pronta tem 2,4g de gordura trans. Já um pacote de 100g de pipoca de microondas tem 7,6g.

Por isso é tão importante estar atento aos rótulos dos produtos. Para se certificar que o alimento é livre de gordura trans, o recomendado é procurar no rótulo palavras como: gordura vegetal parcialmente hidrogenada ou gordura hidrogenada, além de gordura vegetal ou margarina.

(Com informações do portal Tua Saúde)

Últimas notícias