Menina de 12 anos é a vítima mais jovem do coronavírus na Europa

A Covid-19 não costuma se manifestar em crianças e adolescentes que, na maioria das vezes, se tornam portadores assintomáticos

Uma menina de apenas 12 anos que morreu na Bélgica é agora a vítima mais jovem do novo coronavírus no continente europeu. A Covid-19 – infecção provocada pelo vírus, não costuma se manifestar em crianças e adolescentes que, na maioria das vezes, se tornam portadores assintomáticos.

“É um fato raro que nos comove profundamente. É um momento emocionalmente difícil porque se trata de uma criança. Nós pensamos em sua família e seus amigos. É um momento raro que nos comove”, afirmou o médico infectologista Emmanuel André, porta-voz do serviço de saúde belga, ao comunicar a notícia. As informações são do jornal belga “Le Soir”.

Antes da menina belga, a vítima mais jovem na Europa era um adolescente português de 14 anos. Na semana passada, causou comoção na França, o falecimento de uma estudante de 16 anos que faleceu 24 horas depois de seu teste dar positivo.