Identifique 10 pensamentos que podem estar sabotando a sua dieta

Se você sente desejo por alimentos supercalóricos e termina uma refeição já pensando na próxima, é preciso abandonar esses comportamentos

atualizado 24/09/2019 20:34

Endai Huedl/GettyImages

Pessoas que ficam pensando em comida o tempo todo ou com água na boca sempre que assistem a um comercial ou um vídeo que tenha alimentos apetitosos podem ter mais dificuldade para emagrecer: é complicado largar os alimentos gordurosos e doces quando eles não saem da cabeça. Mas é possível reprogramar o cérebro. O importante é identificar os pensamentos que engordam e estar atento a desejos e atitudes relacionados à comida. Alguns exemplos desses pensamentos são:

  • Pensar em comida e no que se vai comer logo a seguir;
  • Salivar sempre que ver um comercial ou vídeo que envolva comida;
  • Comer mesmo sem ter fome, só porque a comida parece irresistível;
  • Encher o prato mais do que a quantidade necessária para se satisfazer;
  • Ter desejos constantes com comida e fazer o possível para realizá-los;
  • Sempre que sair para passear, pensar primeiro no que se vai comer naquele local;
  • Comer e continuar comendo em situações de tristeza e ansiedade;
  • Pensar no lanche ou na refeição seguinte quando ainda nem terminou o que está comendo;
  • Não conseguir se controlar quando vai a um self-service ou rodízio, comendo o máximo que conseguir;
  • Exagerar no final de semana porque a dieta só começa na segunda-feira.

Para evitar que esses pensamentos aconteçam, a recomendação é fazer um diário alimentar, anotando tudo o que se come durante o dia. Também é importante alimentar-se na hora certa, evitar petiscar durante o dia, colocar tudo o que vai comer naquela refeição em um único prato e não repetir, comparar a quantidade de alimentos no seu prato com a de seus amigos e familiares e tentar resistir à gula.

Mas se existem emoções por trás dos desejos alimentares, pode-se experimentar fazer exercícios para combater o estresse, a tristeza e a ansiedade. Também é importante saber que deslizes acontecem e que eles não são desculpa para sair completamente da dieta. (Com informações do portal Tua Saúde)

Mais lidas
Últimas notícias