Equipe da Anvisa embarca para visitar fábricas da Sputnik V na Rússia

Viagem para examinar processos de trabalho, estruturas físicas e armazenamento havia sido adiada a pedido do Fundo Soberano Russo

atualizado 16/04/2021 14:05

IFA da Sputnik V produzido no BrasilDivulgação/Davi Rosa

Após adiarem a visita à Rússia para inspeção de duas fábricas responsáveis pela vacina contra a Covid-19 Sputnik V, inspetores da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) embarcaram nesta sexta-feira (16/4) para o o país. O objetivo é avaliar as condições sanitárias de fabricação do imunizante, de acordo com um comunicado divulgado pela Anvisa.

A primeira visita será à Vladimir, cidade localizada a 200 km de Moscou. Três inspetores serão conduzidos à empresa JSC Generium, responsável pela produção do Insumo Farmacêutico Ativo (IFA) e pela vacina finalizada. Dois outros profissionais irão à fábrica UfaVITA, responsável pelas etapas finais de envase e embalagem dos imunizantes.

Os especialistas da Anvisa devem desembarcar em Moscou no sábado (17/4). “No domingo, os inspetores participam de uma reunião na embaixada do Brasil na capital russa antes da partida, no mesmo dia, para as cidades onde serão feitas as avaliações”, afirmou a agência.

As inspeções serão conduzidas de segunda (19/4) a sexta-feira (23/4). A equipe deve voltar ao Brasil no sábado (24/4).

Veja como é o funcionamento das vacinas contra a Covid-19:

0

 

Últimas notícias