Dor de garganta: o que comer para aliviar a inflamação

Alguns alimentos podem ajudar no processo de cura da região, enquanto outros, mais duros e ácidos, agravam a dor. Confira as opções

atualizado 17/01/2019 9:05

istock

Para aliviar a dor de garganta, alimentos como mel, chá morno de limão ou gengibre são excelentes opções. Eles ajudam a diminuir a sensação de irritação, além de fortalecer o sistema imune para combater melhor a inflamação. Para obter resultados, é necessário consumi-los pelo menos duas vezes por dia. Uma colher de chá de mel também ajuda a fortalecer as defesas do organismo.

O que não comer
Por outro lado, alguns alimentos devem ser evitados quando a garganta está inflamada. Torradas, cereais ou granola, que são duros, podem arranhar a garganta e aumentar a dor. As comidas geladas, como sorvete, também devem ser evitadas, assim como os sucos de frutas ácidas (laranja ou abacaxi, por exemplo), por aumentarem o incômodo ao entrar em contato com a garganta inflamada.

A dica para aproveitar as boas propriedades das frutas ácidas, que fortalecem o sistema imune, é adicioná-las a vitamina batida com leite, que diminui a acidez e causa menos irritação na região da garganta.

Cardápio para sobreviver à dor de garganta

  • Café da manhã: mingau de aveia
  • Almoço: canja com cenoura. Para a sobremesa, banana amassada
  • Lanche: vitamina de morango
  • Jantar: ovos mexidos com purê de batata e abóbora. Pera madura ou cozida de sobremesa

Ao longo do dia, é importante beber de 1,5L a 2L de água. Chás de gengibre ou equinácia podem entrar na conta. Também boas alternativas são a malva, sálvia ou alteia, cheias de propriedades anti-inflamatórias.

Alimentação ideal
A dieta para aliviar a dor de garganta deve ser feita com alimentos líquidos e de consistência pastosa, para não provocar dor ao engolir. Confira alguns exemplos:

  • Mingaus,
  • Sopas de legumes,
  • Purês de frutas ou de legumes,
  • Sucos de frutas não-ácidas,
  • Vitaminas,
  • Iogurte,
  • Gelatina,
  • Ovos mexidos.

Além desses alimentos, é importante usar alho e cebola nas receitas — ricos na substância alicina, possuem ação anti-inflamatória. Se a dor de garganta não diminuir em três dias, deve-se consultar um médico.

Chocolate faz mal para garganta inflamada?
Não. Um ótimo remédio caseiro é deixar derreter um pedaço de chocolate meio amargo na boca. Além de conter substâncias com propriedades anti-inflamatórias e antioxidantes, que ajudam a tratar o problema, a gordura presente na fórmula ajuda a lubrificar a garganta, aliviando a dor.

Com informações do portal Tua Saúde

Últimas notícias