Velório de dono de bar é regado a cerveja, pinga e muita música

Maré Boa, como era conhecido, pediu que seu velório fosse animado, "sem tristeza"

iStockiStock

atualizado 23/04/2019 22:05

O dono de um bar em Barão de Cocais, Minas Gerais, ganhou um velório diferente. Valdívio Soares Pereira, de 68 anos, recebeu o adeus de amigos, familiares e clientes no seu bar. O funeral durou cerca de seis horas e foi regado a cerveja, pinga e música.

Famoso na cidade por ser um verdadeiro boêmio, Maré Boa, como era conhecido, era diabético, hipertenso e tinha problemas de visão. Ele sempre comentava com as pessoas mais próximas que quando morresse queria um enterro animado, com música e bebida, sem tristeza.

Velado no próprio bar em Barão de Cocais.Com muita a música e bebidas, amigos e clientes deram o último adeus comerciante Valdívio Soares Pereira, 68 anos, mais conhecido como “Maré Boa”. Ele foi cremado neste domingo, na cidade de Santa Luzia. #baraodecocais #cocais #diariodebarao #velorio #bar

Posted by Noticias Barão de Cocais e Região on Sunday, April 21, 2019

O velório ocorreu nesse sábado (20/04/2019), no estabelecimento que ele administrava há 15 anos no centro da cidade. No domingo de Páscoa, o corpo de Valdívio foi cremado e os filhos pretendem realizar seu último desejo: as cinzas vão permanecer no bar.

Segundo o UOL, todo o consumo foi liberado para os convidados do velório, que beberam cerca de 57,6 litros de cerveja e 3 litros de cachaça.

Últimas notícias