Faxineira viraliza com carta de aposentadoria a chefe: “Seja gentil”

O que era para ser um adeus com orientações para o próximo funcionário a ocupar o posto virou um desabafo

atualizado 03/05/2021 19:34

Julie Cousins, uma faxineira de Southampton, Reino Unido, se aposentou após 35 anos trabalhando no HSBC e viralizou na Internet com a carta de despedida. A foto da correspondência foi publicada pelo filho de Julie no Twitter.

O que era para ser um adeus com orientações para o próximo funcionário a ocupar o posto virou um desabafo sobre a visibilidade dos profissionais de limpeza. O texto recebeu apoio dos usuários na rede social, que lamentaram as grosserias enfrentadas por Julie.

“Por isso que amo a minha mãe. Ela limpa bancos há 35 anos e saiu com este lindo bilhete deixado para aquela gerente horrível. Feliz aposentadoria, mamãe. Sempre ria por último”, escreveu Joe Cousins, filho de Julie.

“Olá, senhora. Amanhã será o meu último dia de limpeza para o banco. Fiz um balde de materiais de limpeza para o próximo faxineiro, seja lá quem for”, escreveu Julie no começo da carta.

Porém, a mensagem ganha tons mais críticos na continuação: “Deixei o trabalho depois da maneira como você me tratou no escritório, não foi nada mais do que agressivo e cruel. Isso é reflexo do seu caráter, e não do meu”, continuou a ex-funcionária, sem detalhar o ocorrido.

No final do texto, Julie desejou a sua ex-chefe que ele se tornasse uma pessoa melhor: “Você pode ser o que quiser, então escolha ser gentil. Por que você não é melhor que ninguém da limpeza”.

A imensa repercussão da carta chamou a atenção dos sites de notícias na Inglaterra. Em entrevista ao Daily Mail, Julie comentou: “Muita gente acha que é apenas um trabalho como faxineira. Eu sustentei meus sete filhos assim e gostava do meu trabalho. Faxineiros são pessoas esquecidas”.

Reportagem de Charles Nisz

Últimas notícias