metropoles.com

Laboratório usa realidade virtual para acalmar crianças durante exames

Cinco unidades do Sabin já oferecem o serviço no DF. Segundo estudo, os óculos de VR diminuem o medo e a dor

atualizado

Compartilhar notícia

Michael Melo/Metrópoles
Sabin Óculos de Realidade Virtual
1 de 1 Sabin Óculos de Realidade Virtual - Foto: Michael Melo/Metrópoles

Quem tem filho sabe: dia de vacina ou de coleta de sangue é um verdadeiro estresse. Ou, pelo menos, era. Em Brasília, o Laboratório Sabin está usando a tecnologia para diminuir a tensão dos pequenos que têm medo de agulha. Cinco unidades da rede disponibilizam óculos de realidade virtual, que podem ser usados antes e durante a coleta. A ideia é entreter e mudar o foco da atenção do paciente enquanto ele realiza o exame.

A programação do conteúdo exibido varia de acordo com a idade. Em 360 graus, é possível, por exemplo, encolher de tamanho e viajar em um trenzinho de brinquedo, caminhar por uma estrada cheia de neve, passear por uma calçada florida em uma simpática cidade ou viver outras aventuras com a ajuda do equipamento — e da imaginação.

Bernardo, de apenas quatro anos, escolheu andar em uma montanha russa repleta de doces. Durante a “viagem”, narrou tudo o que ele via para a mãe, a jornalista Karla Martins. “Tem um monte de pirulito e balinha”, detalhou. Ao lado da irmã Eduarda, de dois anos, ele também se divertiu com tablets, desenhos para colorir e livros musicais.

0

“Por mais que eles saibam que é um lugar onde vão sentir uma dorzinha, não se incomodam porque a espera é agradável”, conta a mãe.

Uma pesquisa realizada com 250 crianças em uma clínica da Califórnia, nos Estados Unidos, comprovou que a realidade virtual é um recurso útil para diminuir o medo e a dor entre os pacientes. Durante o estudo, metade do grupo analisado utilizou os óculos no momento da aplicação de uma vacina, enquanto a outra metade, não. Entre os que utilizaram o acessório, 75% afirmaram ter sentido menos dor, enquanto 52% disseram que ficaram com menos medo do que aqueles que estavam sem o equipamento.

A gerente de estratégia corporativa do Sabin, Sandra Regina Pereira, explica que a ideia de adotar a realidade virtual surgiu a partir da observação do uso da tecnologia por hospitais durante atendimento de pacientes com câncer. “Ela diminui a ansiedade e o medo, funciona muito bem”, diz.

0

As crianças chegavam com medo porque eram avisadas pelos pais de que iam para um lugar onde sentiriam dor. Há anos trabalhamos formas de acalmá-las e de amenizar os desconfortos que sentem. Na fase dos testes iniciais, uma das crianças entrou muito nervosa na unidade. Colocamos os óculos e ela fez o procedimento inteiro sem chorar.

Sandra Regina Pereira, gerente de Estratégia Corporativa do Sabin

Scanner de veias
Outro item tecnológico que mudou o atendimento da meninada é o scanner de veias. Com a ajuda do aparelho, os enfermeiros e técnicos conseguem visualizar a localização precisa das veias e vasos sanguíneos.

Michael Melo/Metrópoles
O scanner reflete a imagem das veias em tempo real, o que facilita a visualização em diversas situações, dentre as quais coleta de sangue para exames

“A coleta de sangue é mais rápida e, consequentemente, menos dolorida. Também tornamos o processo mais lúdico. Funcionários interagem com eles, oferecem balões e brincam que é o braço do incrível Hulk”, explica a gerente.

Atendimento em fins de semana e feriado
Para maior conveniência, a rede de laboratórios conta com alguns que abrem aos fins de semana e feriados. “É mais tranquilo pra mim, já que consigo fugir daquela correria habitual de trabalho e escola”, destaca Karla, mãe de Bernardo e Eduarda. Regiões como Ceilândia, Guará, Valparaíso, Águas Claras, Asa Norte e Sobradinho têm unidades que atendem das 7h às 12h aos sábados, domingos e feriados. Para saber os endereços, basta acessar o site ou ligar para a Central de Atendimento: (61) 3329-8000.

Outro serviço oferecido pelo Sabin é a coleta de material biológico ou aplicação de vacinas em casa ou no trabalho. O atendimento auxilia aquelas pessoas com vida corrida e que não conseguem encontrar um espaço para se deslocar até o laboratório. O agendamento pode ser feito pelo site ou por telefone e o serviço é coberto pelos planos de saúde  há apenas uma taxa cobrada separadamente referente ao deslocamento, de R$ 35.

Horário de funcionamento do atendimento domiciliar:

  • Segunda a quinta-feira: 6h30 às 19h
  • Sexta-feira: 6h30 às 18h
  • Sábados: 7h às 11h
  • Domingos: 7h às 11h
  • Feriados: das 7h às 13h
      • Unidades que oferecem óculos de realidade virtual:
      • Asa Norte:

516 Norte, Edifício Carlton Center, bloco E, loja 74.

      • Asa Sul:

714/914 Sul Loja 120/124, térreo – Centro Executivo Sabin

      • Águas Claras:

Rua Pitangueiras com Rua Alecrim, lotes 1 e 2, loja 9
Shopping Metrópole, Av. das Araucárias, lote 1525, loja 25
Shopping Felicittá, Rua 36 Norte, lote 5, loja 21/22 (antigo Shopping Quê)

        • Unidades que contam com o scanner de veia:

          • Asa Norte:

516 Norte, Edifício Carlton Center, bl. E, lj. 74
Brasília Shopping (SCN Qd. 5), torre sul, 1º andar, sl. 101-104
Ed. Biosphere SHLN, conjunto I, bloco A, sl. 513.

            • Asa Sul:

Centro Clínico Sul, 716 Sul, conjunto L, bloco 2, térreo
714/914 Sul, Centro Executivo Sabin, lojas 120-124, térreo.

              • Águas Claras:

Rua Pitangueiras com Rua Alecrim lotes 1 e 2, loja 9

                • Lago Sul:

SHIS, QI 13, bloco E, loja 2

                  • Para mais informações, visite a

página do Sabin na internet

                • .

Compartilhar notícia

Quais assuntos você deseja receber?

sino

Parece que seu browser não está permitindo notificações. Siga os passos a baixo para habilitá-las:

1.

sino

Mais opções no Google Chrome

2.

sino

Configurações

3.

Configurações do site

4.

sino

Notificações

5.

sino

Os sites podem pedir para enviar notificações

metropoles.comNotícias Gerais

Você quer ficar por dentro das notícias mais importantes e receber notificações em tempo real?

Notificações