Princesa espanhola é primeira da realeza a morrer de coronavírus

Maria Teresa de Bourbon-Parma morreu aos 86 anos, em Paris, na última quinta-feira (26/3)

A família real da Espanha confirmou a morte da princesa Maria Teresa de Bourbon-Parma, vítima de coronavírus. O país se tornou um dos epicentros da doença. Por lá, mais de 8 mil pessoas morreram em decorrência do Covid-19. Ela se tornou a primeira integrante da realeza a morrer em consequência da Covid-19.

Maria Teresa tinha 86 anos e morreu em Paris na última quinta-feira (26/03). O comunicado foi feito pelo príncipe Sixto Henrique, irmão da vítima. O velório foi realizado em Madri, na sexta-feira (27/03).

“Nesta tarde … nossa irmã Maria Teresa de Borbon Parma e Borbon Busset, vítima do coronavírus COVID-19, morreu em Paris aos oitenta e seis anos”, escreveu o príncipe.

Maria Teresa é prima do Rei Felipe VI da Espanha. Ele testou negativo para a doença. Além da princesa, a Covid-19 também foi contraída pelo príncipe Charles, do Reino Unido, e pelo príncipe Albert de Mônaco.