Netanyahu recebe segunda dose da vacina contra novo coronavírus

Primeiro-ministro de Israel compartilhou ato em uma rede social. Primeira dose foi aplicada em 19 de dezembro do ano passado

O primeiro-ministro de Israel, Benjamin Netanyahu, recebeu, neste sábado (9/1), a segunda dose da vacina contra o novo coronavírus.

“Todos os cidadãos israelenses serão vacinados em dois a três meses”, escreveu, em rede social, ao divulgar uma imagem em que aparece tomando o imunizante.

1/3
Primeiro-ministro de Israel, Benjamin Netanyahu
Primeiro-ministro de Israel, Benjamin Netanyahu
Primeiro-ministro de Israel Benjamin Netanyahu

A primeira foi aplicada no primeiro-ministro no último dia 19 de dezembro. Ele também divulgou o ato na internet e incentivou a população a fazer o mesmo.

“Pedi para ser vacinado primeiro, junto do ministro da Saúde, Yuli Edelstein, para dar o exemplo e os encorajar a serem vacinados. Eu acredito nesta vacina”, disse.

Em Israel, o imunizante que está sendo aplicado foi produzido pela farmacêutica norte-americana Pfizer em parceria com a alemã BioNTech.

Dados do site Our World in Data (confira) apontam que Israel já aplicou, até essa última quinta-feira (7/1), mais de 1,69 milhões de doses da vacina.

Isso significa que cerca de 19% da população foi vacinada. Israel lidera o ranking entre os países com as maiores taxas de vacinação por habitante.