*
 

Um professor da universidade Sree Sankaracharya University of Sanskrit, no estado indiano de Kerala, tem causado polêmica ao declarar que crianças transexuais são geradas por mulheres que usam calças jeans e camisas porque elas se vestem “como homens”.

De acordo com o jornal The Times of India, Rajith Kumar fez os comentários preconceituosos durante uma aula de “conscientização” para os seus estudantes. “Se a mãe usa jeans e camisas, se vestindo como homem, ela vai gerar filhos transgêneros”, afirmou.

O homem foi ainda mais longe com sua discriminação, ao dizer que crianças portadoras de autismo e paralisia cerebral “nascem de pais que não tem bom caráter”. A repercussão fez com que ele sofresse ações legais do governo de Kerala.

Kumar “não se desculpou pelas suas declarações controversas até agora. O governo está ponderando iniciar uma ação legal contra ele “, disse, em comunicado, a ministra da Saúde, K K Shailaja. “Ele tem propagado superstições e fazendo comentários contra mulheres continuamente”, disse ela. De acordo com o The Hindu, há 4,8 milhões de transgêneros na Índia, o que representa 0,4% da população de 1,3 bilhão de pessoas.

 

 

COMENTE

transexualpreconceitotransexualidade
comunicar erro à redação

Leia mais: Mundo