*
 

Carmem Chamblee, 19 anos, foi presa no condado de Pinellas, Estados Unidos, após atear fogo no carro que ela acreditava ser do ex-namorado. No entanto, o real dono do veículo, Thomas Jenning, nunca tinha visto Carmem tampouco sabia de quem se tratava. Uma câmera de segurança próximo ao local mostrou o momento que a jovem coloca fogo no porta-malas do automóvel.

Uma amiga de Thomas foi quem avisou que o carro dele estava em chamas. Os dois correram para o local e tentaram apagar as chamas, mas o fogo já tinha se alastrado para as outras partes do veículo, segundo informa a afiliada da ABC. Por meio das imagens, a polícia identificou Carmem Chamblee. Na delegacia, ela confessou que colocou fogo por achar que o carro era o no ex-namorado.

Carmem está detida preventivamente e deve comparecer ao julgamento no próximo domingo. A polícia chegou a oferecer uma recompensa de cerca de R$ 17 mil para quem tivesse informações sobre ela.

 

 

COMENTE

carrofogofigi
comunicar erro à redação

Leia mais: Mundo