Jovens influencers são impedidos de voltar ao país após “festa” em voo

Ministro do Canadá abriu investigação sobre avião fretado levando jovens de Montreal para Cancún com quebra de diversas regras sanitárias

atualizado 05/01/2022 18:48

Twitter/Reprodução

Influenciadores digitais do Canadá foram impedidos de retornar ao país de origem após vídeos de uma “festa” no voo de volta escandalizar autoridades.  Nas imagens viralizadas, os jovens aparecem sem máscaras, consumindo bebidas alcoólicas direto das garrafas e compartilhando cigarros eletrônicos em um avião fretado de Montreal para o balneário mexicano de Cancún.

A falta de respeito aos protocolos sanitários, exigidos para o controle da pandemia da Covid-19, chamou a atenção do ministro dos transportes canadense, que abriu investigação sobre o caso. A festa no avião fretado da Sunwing acontece ao mesmo tempo em que o Canadá lida com hospitais sobrecarregados e com o fechamento de escolas em Quebec e na vizinha Ontário.

0

 

Além de serem barrados de entrar no Canadá por tempo indeterminado, os influenciadores serão multados em valores que podem chegar até US$ 5 mil (cerca de R$ 28 mil) por desrespeitar as regras da aviação e das medidas sanitárias de combate à Covid.

Veja o vídeo:

 

Mais lidas
Últimas notícias