Dono reabre loja de artigos de couro após 50 dias e encontra tudo mofado

Segundo os proprietários, os objetos ficaram desse jeito por conta da umidade

Uma loja de artigos de couro em Pulau Tikus, Malásia, reabriu após 50 dias fechada por conta da pandemia do novo coronavírus. Ao entrar no local, os donos do estabelecimento, que fica dentro de um shopping da cidade, encontraram boa parte dos produtos mofada. Segundo os proprietários, os objetos ficaram desse jeito por conta da umidade.

“A temperatura do shopping depende do ar-condicionado. Às vezes, pode existir umidade quando o clima fica frio rapidamente. Isso causa um aumento do vapor d’água no ar, o que é propício para o mofo crescer”, disse o dono da loja, identificado apenas como Chong, de 47 anos ao jornal Jakarta Post.

1/10
O dono de uma loja de artigos de couro na Malásia reabriu após 50 dias devido a pandemia de coronavírus
Todos os produtos estavam mofados
Segundo o dono, a umidade provocou isso
Os produtos ficaram expostas à umidade e mofaram
No entanto, ele não teve prejuízos
Todos os produtos foram limpos com óleo e um pano
O dono disse que é só saber cuidar que o couro dura muito
Mas vários objetos tiveram de ser limpados
Incluindo carteiras
E calças

Ainda de acordo com Chong, a maior parte do mofo foi encontrada em carteira, mochilas e bolsas. “Os produtos ficam menos atrativos, mas não afeta a função. Usamos um pouco de óleo e os polimos com um pano seco”, comentou.

Além da loja de Chong, outros vendedores reclamaram do problema. “O couro é durável se você tomar conta dele direitinho. O mofo não cresce nele tão facilmente. Tem que ter um clima propício”, disse Lai, que também encontrou os objetos cheios de poeira.