Criador do Super Mario, diretor da Nintendo diz que filhos preferiam jogos da Sega

Shigeru Miaymoto contou que, dentro da sua casa, a empresa concorrente vencia a guerra de consoles na década de 1990

atualizado 26/12/2020 18:38

Reprodução

Criador do Super Mario, o designer Shigeru Miyamoto, programador e diretor da Nintendo, contou, em entrevista à New Yorker, que seus filhos preferiam os jogos desenvolvidos pela Sega na década de 1990 – período em que as duas empresas protagonizaram a chamada “guerra de consoles”.

À revista americana, Miyamoto afirmou que a opção dos filhos o motivava a melhorar os jogos, “para que eles passassem a preferir os que eu fiz”.

O programador é responsável por franquias como Donkey Kong, Zelda e Star Fox, além do Super Mario. No mesmo período, a Sega lançou jogos como Sonic e Street of Range.

Na entrevista, o diretor da Nintendo também falou da relação das crianças com os videogames. “É importante que os pais também joguem videogames, para entender o que leva uma criança a não parar até chegar no próximo ‘save point’. Falando dos meus filhos, tive sorte que eles sempre tiveram uma ótima relação com os jogos. Nunca precisei restringi-los de nada ou tirar os jogos dele”, disse.

Últimas notícias