Covid-19: Trump diz que avalia barrar voos do Brasil para os EUA

Nesta terça-feira, os Estados Unidos registraram 3.393 mortes em decorrência da pandemia do novo coronavírus

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, afirmou, nesta terça-feira (31/03), durante entrevista coletiva na Casa Branca, que considera seriamente proibir a entrada de voos do Brasil em território norte-americano, devido ao avanço da pandemia do novo coronavírus.

Nesta terça, os Estados Unidos registraram 3.393 mortes em decorrência da pandemia da Covid-19. O número ultrapassou o total de óbitos da China e torna o país norte-americano o terceiro mais afetado pela doença, atrás de Itália e Espanha.

O Brasil, por sua vez, segundo informações do Ministério da Saúde também nesta terça, tem 5.717 casos confirmados da Covid-19 no país, com 201 óbitos.

Barrou Europa

No último dia 11, Trump já havia anunciado a suspensão de todas as viagens da China e da Europa para os EUA, com exceção de viajantes do Reino Unido, como forma de conter o avanço da Covid-19.

Os Estados Unidos passaram a ser epicentro mundial da pandemia, superando o número de 100 mil casos confirmados. Nova York é o estado mais afetado. Isso levou Trump a estender a quarentena em todo o país até o dia 30 de abril.