*
 

A atriz pornô Stephanie Clifford, mais conhecida como Stormy Daniels, abriu nesta quarta-feira (7/3) um processo contra o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, para tentar anular um acordo de confidencialidade firmado com o republicano sobre um suposto caso extraconjugal. A ação civil foi realizada em um tribunal de Los Angeles.

Daniels alega que Trump ainda não assinou o acordo e, portanto, ele não tem validade, já que “impunha diferentes condições e obrigações não apenas à Clifford, mas também ao magnata”, informou o advogado da atriz, Michael Avenatti.

O acordo teria sido realizado no dia 28 de outubro de 2016, poucos dias antes da eleição presidencial, entre Daniels e o advogado de Trump, Michael Cohen, que admitiu o pagamento de US$130 mil à atriz em troca de seu silêncio.

Daniels afirma que teve uma relação de quase um ano com o magnata. A história entre os dois foi revelada pela atriz a um jornalista da revista online “Slate”, entre agosto e outubro de 2016. Segundo o relato, seu primeiro encontro com Trump ocorrera 10 anos antes, quando ele já era casado com Melania.

A estrela pornô relatou que teve encontros com o republicano em Nova York e Los Angeles. A notícia se tornou um grande escândalo já que supostamente o presidente norte-americano teria traído a primeira-dama.