Após perder 2 filhos em menos de um dia, mãe sofre para pagar velório

"Me vi gritando na rua. Eu não podia acreditar que tinha perdido meu outro menino", disse Rosemary Davies

ReproduçãoReprodução

atualizado 05/07/2019 15:53

A dor de perder um filho é algo que somente quem viveu essa tragédia é capaz de tentar explicar. Uma mãe de Wrexham, no País de Gales, passou por essa situação dramática duas vezes em menos de um dia. Rosemary Davies recebia a visita de seu filho Robert Davies, de 36 anos, que estava em casa para consolá-la pela perda do irmão Scott Bellis.

Os dois ficaram a noite inteira conversando, na tentativa de aliviar a agonia daquele momento, até que foram dormir. Poucas horas depois, a mulher foi acordada com gritos da nora: Robert estava com sangue saindo pela boca e, mesmo com a ajuda de seu padrasto, Paul, e dos paramédicos que o atenderam, ele não sobreviveu.

Agora, ela tem mais um problema pela frente. A mãe garante não ter condição de pagar as 6 mil libras (cerca de R$ 31 mil) cobradas pelo velório dos dois, que foram enterrados juntos em maio. “Me vi gritando na rua. Eu não podia acreditar que tinha perdido meu outro menino”, contou. Uma campanha colaborativa foi feita para ajudá-la.

Rosemary também contou que os outros três filhos acompanharam o enterro. “Não sei como eles fizeram isso porque, depois que carregaram um caixão, tiveram que voltar para carregar o outro. Foi de partir o coração”, lamentou.

Em entrevista ao site North Wales Live, ela afirmou que sentiu vontade de pular na cova, mas que lembrou do filho de Scott, Leo, de 6 anos, e entendeu que precisava seguir em frente. “Meu coração está partido, mas meu neto vai me ajudar. Leo perdeu o pai e um tio muito próximo”. A suspeita é que Scott tenha morrido de overdose. A publicação não deu detalhes a causa da morte de Robert.

Últimas notícias