Seis partidos planejam frente pela democracia (e contra Bolsonaro)

Ana Helena Paixão
11/10/2018 20:44

Em encontro nesta quinta-feira (11/10), em Brasília, representantes do PSol, PDT, PCdoB, PT, PSB e Pros (foto abaixo) discutiram a conjuntura política durante o segundo turno das eleições presidenciais e a proposta de estarem juntos numa chamada Frente Ampla em Defesa da Democracia. A ideia é de, a partir da próxima semana, essas lideranças se alinharem com representantes de movimentos sociais, instituições da sociedade civil e outros partidos políticos. O posicionamento do grupo é contrário à possibilidade de o postulante ao Palácio do Planalto pelo PLS, Jair Bolsonaro, assumir um eventual governo. Conforme sondagem do Datafolha, o militar da reserva tem 58% dos votos válidos para ocupar o cargo; em levantamento do XP/Ipespe, o deputado federal chega a 59%. Seu opositor, o petista Fernando Haddad, tem 42% das intenções de voto na primeira pesquisa e 41% na segunda.

 

Divulgação

{{ noticia.title }}

{{noticia.authors}}
{{noticia.date}}

Sem mais notícias Sem mais notícias