No salto, Caio Souza cai sentado e fecha dia ruim da ginástica brasileira

Com grandes falhas nas execuções, Caio ficou com a oitava melhor nota da final

atualizado 02/08/2021 7:38

Tom Weller/DeFodi Images via Getty Images

Última esperança de medalhas para a ginástica brasileira no dia, Caio Souza falhou nos dois saltos e também não conseguiu uma nota suficiente para subir ao pódio.

Após ficar na sétima posição nas classificatórias, Caio tinha uma difícil missão de aumentar sua média.

O brasileiro executou um Tsukahara com tripla pirueta, mas deu um passo muito grande na hora da aterrissagem, perdeu alguns pontos, mas ainda somou 14.446.

O segundo salto também não saiu como o esperado e Caio finalizou a apresentação sentado no solo. Após não ter altura suficiente para fazer um Dragulescu, o atleta não conseguiu completar a manobra e foi ao chão. Ele recebeu uma pontuação bastante baixa, 12.900 e fechou a final com a média de 13.683.

A medalha de ouro ficou com o coreano Shin Jea-hwan, que também liderou nas eliminatórias. Já o russo Denis Abiazin, ficou com a prata e Artur Davtyan, atleta da Armênia, foi o terceiro colocado.

Caoi Souza ficou bem abaixo da apresentação que o qualificou para a final do salto. Ele alcançou a pontuação de 14.700, apenas 0.166 do líder Shin Jea-hwan, que ficou com 14.866.

Vídeos
Últimas notícias