*
 

Em uma eleição com apenas uma chapa, Carlos Arthur Nuzman foi reeleito, pela sexta vez consecutiva, presidente do Comitê Olímpico Brasileiro (COB). Liderando a entidade desde 1995, ele foi reconduzido com 24 votos a favor, três abstenções, um voto contrário e um nulo.

Quatro confederações e a Comissão de Atletas não enviaram representantes para votar. A eleição ocorreu na sede do órgão, no Rio de Janeiro.

Aos 74 anos de idade e há 21 anos como presidente da entidade, Nuzman terá como vice-presidente Paulo Wanderley Teixeira, presidente da Confederação Brasileira de Judô e membro do Conselho Executivo do Comitê Olímpico.

Sob críticas do presidente da Confederação Brasileira de Tênis, Alaor Azevedo, o processo que culminou com a reeleição de Nuzman ainda pode ser anulado pela Justiça. Azevedo, que faz oposição à gestão atual e votou contra a recondução de Nuzman, contesta o período para inscrição de chapas, além da falta de transparência e de democracia na entidade.

 

 

COMENTE

COBCarlos Arthur Nuzman
comunicar erro à redação

Leia mais: Esportes