Tévez marca contra o Inter, faz homenagem a Maradona e Boca sai na frente

O capitão e camisa 10 do Azul y Oro fez o único gol da partida e comemorou mostrando uniforme usado pela lenda argentina

atualizado 02/12/2020 23:26

Silvio Avila-Pool/Getty Images

Com uma semana de atraso, pois o jogo que seria semana passada foi adiado por causa da morte de Diego Maradona, Internacional e Boca Junior fizeram o primeiro jogo das oitavas de final da Libertadores.

Tévez marcou o único gol da partida, homenageou o ex-jogador e deixou os argentinos em vantagem. O jogo de volta está marcado para a próxima quarta-feira (9/12), no La Bombonera, às 21h30. O vencedor do duelo enfrenta, nas quartas de final, o Racing, que eliminou o Flamengo nessa terça (1/12).

O jogo

Antes do início da partida, caiu uma forte chuva em Porto Alegre que acabou influenciando nas condições do gramado e, por isso, o primeiro tempo não teve grandes acontecimentos. O Internacional começou comandando as ações ofensivas, porém sem conseguir acertar o gol de Andrada.

Depois disso, o Boca Juniors acordou e começou a pressionar o Colorado. Ao todo foram sete finalizações dos argentinos, segundo o SofaScore sendo somente uma na meta, já aos 44 minutos, quando Lomba impediu que a bola entrasse.

O lance mais perigoso, no entanto, ocorreu antes, aos 30 minutos. Villa recebeu ainda no campo de defesa, engatou a 5ª marcha, chegou na área e chutou cruzado. Sem direção, o lance terminou em tiro de meta.

2º tempo

Logo no começo da etapa final, houve uma chance para cada lado. Aos 3, Heitor conseguiu entrar na área e passar por Fabra. O lateral finalizou, mas a bola desviou na zaga e saiu para escanteio. Depois, aos 5, Tévez recebeu dentro da área e chutou na saída de Marcelo Lomba, mas o goleiro levou a melhor no duelo.

No minuto 17, o zero saiu do placar. Salvio aproveitou a atrapalhada de Zé Gabriel e entregou para Tévez. O camisa 10 dominou girando e bateu no canto de Lomba. Na comemoração, o craque homenageou seu amigo e ídolo, Diego Maradona. Ele tirou sua camisa e, por baixo, tinha uma camisa usada pela lenda na época que defendeu o Boca.

Tévez Boca Juniors
Tévez comemorando o gol sobre o Internacional, homenageando Maradona

Aos 31, o capitão do Boca teve outra boa chance da intermediária, mas desperdiçou mandando para fora. Três minutos depois, Leandro Fernández caprichou na cobrança de falta, mas parou na trave.

Vídeos
Últimas notícias