Na Alemanha, jogador declarado morto em 2016 pode ser preso por fraude; entenda

Hiannick Kamba, de 35 anos, foi jogador do Schalke-04 e atuou ao lado de Manuel Neuer

O congolês Hiannick Kamba, de 35 anos e ex-jogador do Schalke-04, da Alemanha, surpreendeu a todos quando, supostamente, voltou à vida. Em 2016, durante uma viagem, o atleta foi noticiado morto após um acidente automobilístico.

Para o Ministério Público da Alemanha, Kamba teria forjado a sua morte para receber o valor de seu seguro de vida, avaliado em 1,2 milhão de euros, cerca de R$ 7,7 milhões.

Tudo aconteceu em janeiro daquele ano, quando o jogador visitou Kinshasa, cidade natal de seu país. Porém, antes de chegar ao local, a notícia de que Hiannick Kamba havia falecido começou a ser veiculada. Com a notícia, sua mulher cobrou o valor da milionária indenização. Porém, eis que em 2020 o ex-jogador reapareceu. Ele explicou que passou todos esses anos em cativeiro, após ter sido sequestrado em 2016.

Show Player

Com a inconsistência dos fatos, o casal foi julgado pelo Tribunal Regional de Essen, na Alemanha. O atleta não quis entrar em detalhes e disse que nada teve a ver com o dinheiro cobrado por sua companheira. Já ela, que está sendo acusada pelo mesmo motivo, preferiu ficar calada.

A sentença deverá sair em novembro e o casal pode ser preso, caso seja comprovada a fraude.

Quer ficar por dentro de tudo que rola no mundo dos esportes e receber as notícias direto no seu Telegram? Entre no canal do Metrópoles: https://t.me/metropolesesportes