Mané Garrincha entra na briga para sediar decisão da Sul-Americana

Estádio da capital compete com a Arena Castelão, em Fortaleza, e a Arena Pernambuco, além de seis campos argentinos

atualizado 19/02/2021 17:06

Mané Garrincha FlamengoIgo Estrela/Metrópoles

O Mané Garrincha é um dos estádios “finalistas” que a Conmebol irá considerar para sediar as finais da Copa Sul-Americana entre 2021 e 2023. Além dele, a Arena Castelão, em Fortaleza, a Arena Pernambuco e seis campos argentinos estão no páreo.

A Conmebol estará no Brasil entre os dias 22 e 26 deste mês para avaliar os estádios, e depois passará pela Argentina para fazer o mesmo.

Lembrando que o Mané já havia entrado na briga para sediar a final da Libertadores de 2020, que acabou ficando com o Maracanã.

Além da Sul-Americana, a Conmebol também divulgou os estádios que serão considerados para a final da Libertadores no mesmo período. O Morumbi, do São Paulo, e o Beira-Rio, do Internacional, estão na briga.

Vídeos
Últimas notícias