Jorge Jesus critica Santos: “20 ou 30 que mandam mais que o presidente”

Treinador cornetou dificuldade para contratar o zagueiro Lucas Veríssimo junto ao alvinegro paulista

atualizado 07/12/2020 17:37

Jorge Jesus BenficaJose Manuel Alvarez/Quality Sport Images/Getty Images

Mesmo longe do Brasil, o técnico Jorge Jesus segue acompanhando o cenário do futebol brasileiro. Campeão da Libertadores e do Campeonato Brasileiro com o rubro-negro, o treinador do Benfica agora foca em um outro gigante do Brasil: o Santos. Jesus acompanha a tentativa de contratação do zagueiro Lucas Veríssimo junto ao Benfica e o desenrolar da novela não vem agradando o português.

“Não sei como é que isso está. No Brasil é muito complicado contratar jogadores. Há um presidente, depois cada clube tem um comitê com 20 ou 30 pessoas que mandam mais que o presidente. É uma grande confusão. Por isso, não sei o que vai acontecer”, disse o treinador, criticando as tratativas com o clube para tentar contratar o zagueiro. A negociação depende do aval dos Conselhos Fiscal e Deliberativo.

O Santos vê o defensor com um grande ativo e utilizaria a negociação para aliviar o quadro financeiro, piorado com a crise da pandemia de Covid-19. O Benfica ainda tenta contar com o jogador em 2021.

Vídeos
Últimas notícias